AAJ - Associação de Ajuda a Jovens

Categoria: Finanças Page 1 of 5

Como funciona o minha casa minha vida

O sonho de comprar a casa própria e sair do aluguel é um dos maiores sonhos de todos os brasileiros e graças ao minha casa minha vida esse sonho está se tornando cada vez mais fácil de ser realizado por todos os brasileiros de todas as classes sociais. Mas assim como é sério o fato de comprar uma casa, minha casa minha vida também é um procedimento que merece muita atenção e precisa ser feito com muito cuidado e com a ajuda de um corretor profissional para te auxiliar com toda a documentação. Mas depois dessas observações precisamos saber como funciona o minha casa, minha vida e como ele pode te ajudar a comprar a sua casa própria.

Programa Social

Para começar o assunto devemos entender que o minha casa minha vida é um programa social desenvolvido pelo governo para ajudar as pessoas a comprarem o seu primeiro imóvel, esse programa paga até por 90% do valor do imóvel e divide o restante do valor em parcelas muito pequenas, facilitando assim o pagamento para o futuro comprador.

A partir de agora vamos aprender um pouco mais sobre como funciona o minha casa, minha vida e quais os procedimentos que  o futuro comprador deve seguir para conseguir ter acesso ao financiamento e aos descontos. O primeiro procedimento que deve ser feito é fazer a análise da sua renda familiar, isso torna-se necessário pois o tipo de ajuda que o governo vai disponibilizar depende do tamanho da sua renda familiar. 

Tipos de Renda

O governo vai fornecer diferentes tipos de ajuda para diferentes tipos de classes sociais e ele faz essa divisão de acordo com a renda familiar do futuro ou dos futuros compradores. A divisão atual está dessa forma:

  • Renda de até 1800 reais: A primeira e mais básica das modalidades diz respeito às famílias que possuem renda mensal total de até 1800 reais. Nessa janela o governo paga 90% do valor total do imóvel deixando somente 10% do valor para ser pago pelo comprador do imóvel.As parcelas do imóvel não podem exceder 10% do valor do salário mínimo e o financiamento deve possuir como prazo máximo 120 meses ou 10 anos.
  • Renda de 1800 até 2600 reais: A segunda modalidade que o programa do governo oferece é uma janela que está mais disponível para famílias de classe média baixa e os incentivos são proporcionais às possibilidades financeiras da família. Nessa modalidade o governo apenas ajuda o futuro comprador a pagar a entrada no imóvel, entrada essa que tem o seu limite estabelecido em 47,5 mil reais. Esse limite foi estabelecido pois imóveis que possuem esse valor de entrada são imóveis considerados de classe média. Além disso, o comprador vai receber a oportunidade de pagar o valor do imóvel em até 30 anos ou 360 meses.
  • Renda de 2600 até 4000 reais: Nessa terceira modalidade o comprador que possui a renda familiar dentro da janela informada vai receber grande parte dos incentivos citados na janela anterior, tais como ajuda a pagar a entrada do imóvel e também vai receber a oportunidade de pagar o imóvel em 30 anos porém nessa modalidade o futuro comprador poderá escolher entre imóveis prontos e imóveis na planta. Essa oportunidade é oferecida pois as famílias que possuem esse valor de renda familiar já podem se permitir escolher imóveis que possuem um maior valor e que são avaliados como imóveis para o público da classe média alta, mesmo eles estando na fase de construção do minha casa minha vida vai ajudar essas famílias a comprar o imóvel.
  • Renda de 4000 a 7000 reais: Nessa modalidade o comprador recebe menos incentivos quando comparado às outras anteriores, haja visto a elevada renda mensal que a família declarou. Na prática essa modalidade do minha casa minha vida somente vai fornecer aos futuros compradores 2 facilidades, a primeira delas diz respeito a um subsídio que o governo vai fornecer, esse subsídio tem seu valor máximo estipulado em 29 mil reais. A segunda facilidade que essa modalidade oferece é as taxas de juros diminuída para o financiamento, essa taxa que será praticada é de no máximo 7% ao ano e no mínimo 5,5%.
  • Renda acima de 7000 reais: Para famílias que possuem uma renda familiar que excede o valor de 7000 reais o minha casa minha vida não é aceito e consequentemente a análise de crédito não é aprovada. Isso ocorre pois o governo entende que uma família que possui uma renda familiar dessa magnitude possui condições de entrar em um financiamento de imóvel normal, com taxas e prazos normais. Por exemplo, se resolver financiar uma das das casa do condomínio Aphaville.

Depois de passarmos pela fase de análise de renda familiar o comprador precisa atentar-se ao valor total do imóvel, essa necessidade acontece pois dependendo da localização do imóvel e também do tamanho da cidade o valor máximo do imóvel vai mudar. Por exemplo um imóvel que está localizado na região metropolitana de São Paulo, no Rio de Janeiro e no Distrito Federal o programa impõe uma limitação o valor do imóvel não deve exceder 225 mil reais. Seguindo na mesma explicação a limitação de valor que o programa do governo impõem para imóveis localizados na região metropolitana de Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, Minas Gerais e Espírito Santo é de 200 mil reais.

Passada a etapa de análise de valores de renda financeira e também do valor do imóvel chegamos na etapa final que é a preparação da documentação necessária para completar o cadastro do financiamento junto ao programa do governo, para essa etapa a nossa dica é que os futuros compradores consultem um corretor profissional e especializado na área em questão. Essa nossa dica está fundamentada na capacidade que o corretor local possui de saber todos os procedimentos e documentos que devem ser entregues para completar o cadastro. Sem a ajuda de um corretor o futuro comprador pode perder-se no meio de tanta papelada e tanta burocracia que precisa ser respeitada.

Compra e venda imóvel, o que devemos saber?

No mercado imobiliário brasileiro o fato de comprar e vender um imóvel vem sempre acompanhado de uma série de procedimentos que devem ser seguidos por todos os envolvidos, do vendedor, passando pelos intermediários e chegando até o comprador todos precisam seguir uma série de procedimentos que se feitos de maneira correta vão deixar essa operação o mais fácil e tranquila possível. Portanto com a intenção de definir os papéis de cada um e tornar menos complicado todo esse processo vamos fornecer muitas dicas sobre como comprar e vender um imóvel?

Por exemplo, como se compra ou vende as casas à venda no Condomínio Malibu Para começar a adentrar no assunto nós precisamos entender que existem muitas dúvidas que contornam esse assunto e hoje vamos tratar de algumas delas. Começando por partes temos que abordar o assunto de maneira correta, analisando desde a primeira conversa com o corretor, passando pela definição das formas de pagamento e culminando na amortização do valor total do imóvel. Como vimos o corretor é parte essencial desse processo e situa-se no começo de tudo, mas qual é a sua importância? 

Devo contratar um corretor?

Essa é uma das primeiras e maiores dúvidas de todas as pessoas que estão nessa posição de compra ou venda de imóveis e além disso é uma pergunta muito justa que vamos elucidar agora. Geralmente os imóveis estão vinculados à algumas empresas ou agências que estão responsáveis pela propaganda e venda dos mesmos e nesse caso o corretor vai fazer um papel importantíssimo de, com base nas especificações que você fornecer, te mostrar todas as vantagens e desvantagens de todos os imóveis e ainda fazer comparativos entre eles.

Além disso o corretor é um profissional que possui o conhecimento necessário para tratar de todas as burocracias e documentações necessárias para tornar o caminho de compra e venda de um imóvel o mais tranquilo e calmo possível, porém esse mesmo caminho pode tornar-se muito obscuro sem a presença do corretor. A falta desse profissional ou de qualquer intermediário ou empresa deixa a negociação muito mais sombria e perigosa, fazendo com que ambas as partes tenham como garantia basicamente a palavra um do outro.

Portanto, a primeira dica que vamos fornecer nesse texto é, se você pretende comprar ou vender um imóvel com segurança, calma e principalmente com sucesso é altamente recomendável a presença desse profissional nessa negociação.

Depois que passamos pela primeira parte nos deparamos com a segunda, a parte mais importante de toda a negociação, a parte onde todas as variáveis são definidas e também onde tudo fica acordado entre os atores envolvidos, estamos falando do contrato de compra e venda. Mas o que é o contrato de compra e venda?

O que é um contrato de compra e venda?

O contrato de compra e venda de um bem imóvel funciona basicamente como qualquer outro tipo de contrato firmado entre duas partes, nesse caso fica acertado através da assinatura deste contrato que o vendedor vai transferir o imóvel assim que o comprador pagar pela totalidade do mesmo. Porém para fazer isso da maneira correta no contrato devem constar várias informações de ambos os envolvidos para torná-lo mais transparente. Com isso chegamos em um ponto crucial, o que deve constar no contrato?

O que deve constar no contrato do imóvel?

Como comentamos anteriormente o contrato precisa de uma quantidade de dados de ambos os interessados para tornar-se confiável e possuir importância legal, abaixo podemos encontrar uma lista com os dados que devem constar no contrato: 

  • Nomes (interessados);
  • Nacionalidade (interessados);
  • Estado civil (interessados);
  • Profissão(interessados);
  •  Identificação (CPF ou RG dos interessados);
  •  Endereço (Imóvel);
  • localização (Imóvel);
  •  Número e data do registro (Imóvel);
  • Descrição sumária (Imóvel); 
  • Dimensões (Imóvel);
  • Características especiais (Imóvel);
  • Preço total (Imóvel);
  •  Valor do sinal ou entrada (Imóvel);
  •  Condições de pagamento do saldo (Imóvel).

Como é possível ver na lista acima vários detalhes da negociação de pagamento do imóvel também vai estar no contrato e nesse caso juros vão incidir sobre essa negociação, nessa situação os juros que serão cobrados e também a correção monetária utilizada devem estar descritos de forma minuciosa no contrato.

Agora que entramos na questão de valores chegamos em uma outra parte muito importante quando o assunto é comprar ou vender imóveis, como fazer com que o imposto de renda entenda que agora você vendeu ou comprou um novo imóvel? Como declarar compra e venda de imóveis?

Como declarar compra e venda de imóveis?

Como todos nós brasileiros sabemos o imposto de renda incide sobre todas as transações financeiras que acontecem na sua vida e você deve sempre prestar contas dos seus gastos anualmente, com fiscalização da Receita Federal. Enfim, como isso se encaixa no cenário de comprar e venda de imóveis? vamos entender essa situação um pouco melhor. 

Primeiramente devemos entender que todos os imóveis que possuem o valor atual de mercado acima de 300 mil reais devem ser declarados no ato de enviar o imposto de renda mas até nesse momento o dono não deve se preocupar com taxas extras por possuir esse imóvel, essas preocupações aparecem na hora que o dono resolve vender o imóvel e com isso consegue lucrar qualquer quantia.

Quando essa situação acontece, o vendedor do imóvel entra no Programa de Ganhos de Capital. Esse programa que é muito conhecido pela sua sigla GCAP auxilia as pessoas físicas que realizaram a venda de um imóvel no período que deve ser declarado e conseguiram de alguma forma obter lucro com essa operação financeira. O programa vai automaticamente gerar o valor que deve ser pago pelo contribuinte a fim de quitar a sua dívida, geralmente esse valor é de 15% do valor total do lucro que o vendedor obteve.

Dessa forma encerramos esse texto valioso com várias dicas sobre como comprar e vender imóveis e como facilitar a vida de todas as pessoas que se encontram nessa situação. Se a sua dúvida não foi contemplada nesse texto não se desespere pois vários outros textos como esse estão a caminho para te salvar. Muito obrigado a todos e salientamos que sempre que precisar estaremos aqui para sanar todas as suas dúvidas futuras, aguardamos o seu contato.

Vantagens do planejamento Sucessório na Empresa Familiar

As vantagens do planejamento sucessório não são conclusivas. Logicamente, realizá-lo de maneira planejada envolve uma série de riscos e custos, embora os especialistas concordem que eles claramente os superam. 

Dessa forma, embora implique gastos, um esforço excessivo e até mesmo uma certa tensão por antecipação de problemas, planejar a sucessão na empresa familiar é fundamental para garantir sua sobrevivência. 

A sucessão planejada será realmente vantajosa – para a família, para a empresa e também para o empregador – se o processo for iniciado com antecedência suficiente.

De fato, é necessário um plano de sucessão sério para identificar e preparar o sucessor para enfrentar as responsabilidades que a gestão acarretará e, se necessário, fazê-lo também com outros cargos gerenciais. 

Assim, a eleição do sucessor com o tempo constitui um auxílio para o sucesso da mudança geracional, ou seja, para a  própria sobrevivência da empresa, pois a sucessão se dará da mesma forma, mas será sempre melhor se é feito de forma inteligente e equilibrada, contando sempre com a família e a empresa. 

A sucessão é um momento críticoe, de fato, uma minoria de empresas sobrevive à segunda geração (30-45%), e apenas 10%-15% delas sobrevivem à terceira. Ou, o que dá no mesmo, de cada 20 empresas, apenas 3 sobrevivem aos netos. Mas não há razão para se resignar a isso. Segundo especialistas, além de estabelecer boas práticas de governança corporativa, deve-se realizar um plano de sucessão eficaz , embora poucas empresas o possuam.

O custo da improvisação

Uma sucessão improvisada tem custos muito maiores do que os envolvidos no planejamento. Na pior das hipóteses, não ter feito um planejamento a tempo pode comprometer a própria sobrevivência da empresa. De acordo com os números, o desaparecimento da empresa que não planejou é uma consequência muito comum. 

Tendo em conta que o processo sucessório ocorre a longo prazo , não o fazer significa ter de tomar decisões erradas e aumentar a margem de erro. Uma incerteza que em muitos casos precipita eventos, numa espécie de efeito dominó isso deixaria a empresa sem seus melhores recursos humanos, tanto porque o empregador abandonou o navio quanto porque o pessoal mais qualificado também poderia fazê-lo.

As vantagens do planejamento

Dos principais benefícios que obtemos ao planejar a sucessão, como a escolha do sucessor e sua preparação para auxiliar a continuidade da empresa, derivam muitas outras vantagens, como:

  • O empreendedor pode desenhar seu plano de sucessão e ver o resultado.
  • Se houver erros, é possível fazer outro curso antes que seja tarde demais.
  • Tanto uma mudança de propriedade quanto uma possível venda podem ser realizadas.
  • Um plano consensual permite minimizar os conflitos no âmbito familiar e empresarial.
  • As decisões são tomadas à distância, com a necessária racionalidade.
  • Existe um período de adaptação do sucessor que facilita a sua aceitação.

O empregador recebe uma aposentadoria mais do que merecida com a tranquilidade necessária.

Confira mais conteúdos em nosso site. Aproveite e compartilhe em suas redes sociais. Alguma sugestão no que podemos melhorar? Deixe nos comentários.

Você sabe fazer um inventário?

Fazer o inventário é uma tarefa que os empresários e profissionais muitas vezes desprezam ou deixam até o último minuto. Por outro lado, fazer um bom estoque, um controle regular de estoque das mercadorias do seu negócio traz muitos benefícios.

Vamos ver porque é tão importante fazer um inventário e no final do artigo darei 6 dicas que espero que sejam úteis para você.

Objetivo de estoque

Com a realização do inventário, pretende-se comparar o volume de estoques reais que temos em estoque com o que consta em nossos livros contábeis. Isso é o que se chama:  controle de estoque.

Você pode entender que um estoque é algo exclusivo de empresas que têm produtos em um depósito … erro!

Qualquer empresa que queira proteger seus ativos deve fazer um inventário regular.

Uma empresa de serviços também possui um volume de estoque, por exemplo: bens móveis e imóveis, material de escritório.

Resumindo, seja qual for o tamanho do seu negócio, você deve saber fazer inventário para conhecer o seu patrimônio a todo momento, melhorar a gestão de compras e assim poder economizar despesas como disse em outro de meus posts.

Se você souber fazer um inventário, sua lucratividade e seu resultado serão melhores. Porque você não só economizará despesas, mas obterá um resultado maior com menos investimento.

A gestão de estoques tem um impacto direto no funcionamento do seu negócio e na sua rentabilidade. Por isso é tão importante que você leve isso em consideração e que coloque os meios necessários para que tudo funcione corretamente.

Fazer o inventário é uma obrigação legal

No plano contábil, devemos fazer inventários anuais para podermos dar uma imagem fiel de nossos ativos e de nossos resultados.

O Inventário e as Demonstrações Financeiras é um livro obrigatório para todos os empregadores e abrange um ano inteiro  Inclui: o Balanço,  Lucros  e Prejuízos e Balanços de Soma e Saldos Trimestrais.

Estoque e giro de estoque

O ideal seria que qualquer empresa pudesse conhecer seu estoque a todo momento, mas esse gerenciamento tem um custo (em tempo e dinheiro) que pode não ser lucrativo dependendo da atividade ou do porte do seu negócio.

O estoque de uma incorporadora que tem 50 casas prontas não é igual ao de uma loja de roupas com mil referências.

Portanto, a  rotação de estoque  é outro dos fatores-chave quando se trata de como realizar um inventário.

Em outras palavras,  a frequência dos estoques dependerá da quantidade de vezes que os produtos ou materiais são renovados .

Se um ativo, como uma máquina, não for renovado por mais de vários anos, o inventário anual exigido pela legislação contábil será suficiente.

Um bom estoque economiza suas despesas

Lembre-se de que fazer um inventário significa evitar gastos  com compras duplicadas, gastos com conservação ou com furto e quebra.

Pague ainda menos impostos , pois assim você vai deduzir 100% do consumo real de materiais e produtos. Por isso, você deve saber muito bem fazer um inventário, para isso dou as seguintes dicas.

6 dicas para fazer um inventário

1. Estabelecer um método de contagem de acordo com a atividade e características da empresa.

Por exemplo, para inventariar os ativos de um escritório, isso pode ser feito por unidades. Mas para um restaurante é melhor usar balanças para pesar alimentos e garrafas. Para ter um cálculo aproximado com baixo custo de gestão.

2. Avalie corretamente os estoques.

Especialmente quando as compras frequentes são feitas a preços diferentes. Um dos critérios é usar o preço médio das diferentes compras.

3. Use programas de computador.

Informatizar a  gestão do armazém  e controlar o estoque é uma ótima ideia a médio e longo prazo.

Um bom  programa de controle de estoque  tornará seu negócio mais rentável e eficiente, consequentemente, prestará um melhor atendimento aos seus clientes.

Escolha um software que facilite a avaliação e controlo dos inventários permanentes com base nas entradas ou saídas, com alertas automáticos de stock, que seja versátil e independente do tipo de negócio.

4. Implementar métodos de controle.

Por exemplo, a contagem é realizada por pessoal de um departamento diferente do armazém, que são realizadas amostras para realizar contagens surpresa a fim de verificar a confiabilidade do estoque, contar com mais frequência os bens de maior valor ou maior giro, etc. .

5. Padronizar o sistema de inventário físico.

Por exemplo, com formulários parcialmente preenchidos para contagem, leitores de código de barras, etc.

6. Faça inventários em datas específicas.

Onde o armazém está o mais vazio possível e o volume de entradas e saídas é baixo.

Embora seja a última dica de como fazer um inventário, é a primeira coisa a se considerar, porque um bom inventário pode levar vários dias.

Confira mais conteúdos em nosso site. Aproveite e compartilhe em suas redes sociais. Alguma sugestão no que podemos melhorar? Deixe nos comentários.

Ouvidoria do Banco C6 Bank: veja como entrar em contato

Você teve um problema sério e quer falar na Ouvidoria do Banco C6 Bank? Se a resposta é sim, não se desespere!

Atualmente, a maioria dos bancos possuem Ouvidoria. Afinal, esse setor é indispensável para resolver problemas sérios de clientes.

Bem como, é útil na hora de investigar denúncias e até mesmo suspeitas de fraudes. Desse modo, fomos atrás de dados da Ouvidoria do C6 Bank.

Assim, se você precisa falar nesse setor, saiba agora como fazer isso. Confira e tenha uma ótima leitura!

Afinal, como falo na Ouvidoria do Banco C6 Bank?

Antes de mais nada, saiba que a Ouvidoria do Banco C6 Bank atende em todos os dias úteis, sempre das 9 horas às 18 horas.

Dessa forma, se você precisa resolver algo sério na instituição, ligue para a Ouvidoria no 0800 660 6060.

Contudo, vale a pena ressaltar que esse setor é ideal apenas para casos em que o SAC (Serviço de Atendimento ao Consumidor) não conseguiu atender a sua demanda.

Ou seja, opte por tentar resolver suas situações nos atendimentos abaixo antes de buscar a Ouvidoria. Continue a leitura e entenda melhor.

Outras formas de falar com a empresa

Sob o mesmo ponto de vista, o C6 Bank possui vários outros canais de atendimento. Atualmente, está em plena expansão e tudo indica que será um dos principais bancos digitais do país em pouco tempo. Veja abaixo como falar com a empresa, olha só:

Atendimento via telefone

Primeiramente, você pode ligar no Serviço de Atendimento ao Consumidor do banco, que tem número 0800 660 0060. Esse contato pode ser feito 24 horas por dia e em qualquer dia da semana.

Todavia, se você precisar falar sobre o seu cartão e sobre outros assuntos, deve ligar na Central de Atendimento. Se você mora em regiões metropolitanas, pode ligar no 3003 6116.

Entretanto, se mora em outras áreas, deve discar 0800 660 6116.

Diferentemente do SAC, a Central de Atendimento atende apenas de segunda a sexta-feira, das 8 horas às 19 horas.

Fale com a empresa online

Além disso, você pode conversar com o C6 Bank através do chat online da empresa. Para isso, entre no site do banco e busque a opção de chat.

O atendimento é 24 horas por dia e está disponível para qualquer dia da semana. Ademais, o banco também recebe mensagens via e-mail.

Para isso, mande a sua solicitação para o seguinte endereço eletrônico: faleconosco@c6bank.com.br.

Reputação dessa companhia

Por fim, precisamos ressaltar que o C6 Bank é um dos maiores bancos digitais do país e conquista novos clientes a cada dia.

Atualmente, tem boa reputação entre os seus usuários e ótimas referências em sites de defesa do consumidor, como o Reclame Aqui, por exemplo.

Viu só como você pode falar com a Ouvidoria do Banco C6 Banksem complicação? Para saber as formas de contato de outras instituições financeiras, passeie pelo nosso blog!

Temos dezenas de matérias sobre Ouvidorias, chats de grandes empresas e outras informações importantes sobre companhias nacionais.

Como descobrir o número da matrícula da Caern

Como descobrir o número da matrícula da Caern?

Tem Como descobrir o número da matrícula da Caern pelo site?

Se você mora no estado do RN e é um dos clientes da Caern que precisa encontrar o número da matrícula da sua conta de água, fique ligado neste artigo.

Devido a grande dificuldade de muitos clientes, criamos esse artigo que com certeza irá ajudar você e vários outros clientes da empresa. Lembrando que não temos vínculo com a Caern, nós apenas vamos mostrar como resolver essa questão.

Portanto, se você encontrou nosso site porque deseja saber como descobrir o número da matrícula da fatura de água da Caern, basta conferir o texto até o final.

A Caern

Se você ainda não conhece a Caern, saiba que a mesma foi criada no dia 2 de setembro de 1969 pelo então governador monsenhor Walfredo Gurgel.

A empresa tem como missão atender toda a população do Rio Grande do Norte com água potável, coleta e tratamento de esgotos.

Seu objetivo é contribuir para a melhoria e qualidade de vida dos clientes.

A empresa conta com vários escritórios espalhados em 152 cidades e em alguns casos, com mais de uma unidade por cidade.

A empresa tem o teleatendimento no qual o cliente pode estar ligando para o número (115) e tratar assuntos emergenciais como falta de água, vazamentos e serviços de esgoto.

Esse atendimento está disponível 24 horas por dia, 7 dias por semana e atualmente esse canal atende 17 cidades.

A empresa também oferece aos seus clientes o portal no qual é possível consultar diversos serviços como por exemplo:

  • Atendimento via chat
  • Conta em Braille
  • Pesquisa de satisfação
  • Agências de atendimento
  • Atendimento agendado
  • Fatura por e-mail
  • Alterar vencimento da fatura
  • Ouvidoria
  • Tarifa social e popular
  • Outros serviços

E se você não sabe como descobrir o número da matrícula da Caern dentro do portal, agora vamos te mostrar como é simples.

Número da Matrícula Caern

Agora que chegamos na parte importante desse artigo, veja como descobrir o número da matrícula da Caern facilmente.

Para descobrir o número da matrícula da Caern, basta ter em mãos uma conta antiga da empresa.

O mesmo fica localizado na parte superior direita da conta ao lado do mês e ano.

Em caso de dúvidas por não ter uma conta antiga em mãos, acesse o portal da Caern e clique em “atendimento via chat” para falar com algum atendente para que o mesmo possa ajudá-lo.

Outra forma é entrar em contato por telefone pelo Atendimento 115 ou (84) 3232-4432.

Esse número é importante tê-lo pois, para emitir uma segunda via da fatura por exemplo, é necessário informá-lo no momento da consulta.

Segunda Via da Conta de Água

Se você precisa emitir uma segunda via da conta de água da Caern, nós também vamos te mostrar o passo a passo.

É bem simples e com apenas alguns cliques, você já resolve essa questão.

Confira:

1 Passo

Acesse o site da empresa Caern neste link

2 Passo

Após carregar a página do site selecione a opção “2ª via de contas”;

3 Passo

Agora, preencha os campos em branco com CPF ou CNPJ do titular e o número da matrícula (agora você já sabe como descobrir o número da matrícula da Caern);

4 Passo

Em seguida, marque a caixa não sou um robô e clique em “Continuar”.

Pronto! 

Feito isso, a página será atualizada e agora será possível consultar a conta da caern fatura atrasada.

Com o acesso às contas pendentes, basta imprimir e pagar sua conta atrasada de água. 

Telefone da Caern

Por fim, mesmo depois de todas as informações passadas acima, se você ainda tem dúvidas e precisa de esclarecimentos, a melhor forma de resolver é ligando para a empresa.

Para isso, segue abaixo os contatos:

  • Telefone: (84) 3232-4432
  • Ouvidoria: 0800 84 20100

Se esse artigo te ajudou, compartilhe agora mesmo!

Até a próxima!

agencia-de-marketing-digital

O que uma agência de marketing digital faz de diferente de usa equipe de marketing?

Um dos serviços mais importantes que uma agência de marketing digital oferece é um aumento constante e confiável no retorno do investimento. ROI mais alto significa uma coisa: lucros maiores.

Você costuma ouvir que o mundo do marketing está mudando. É verdade, mas todos devemos olhar para essa afirmação de uma maneira um pouco diferente.

O mundo do marketing tenha mudado.

Não é uma questão de prever para onde o marketing está caminhando. Estamos vivendo isso, bem aqui, agora. O marketing tradicional não está conseguindo atingir o público como costumava fazer. Mesmo em seu apogeu, o marketing tradicional não era considerado uma abordagem de precisão. Era um jogo de números, que simplesmente não funciona mais. Jornais e revistas estão obsoletos, e a TV e o rádio estão diminuindo consideravelmente.

Em seu lugar, surge o marketing digital, ou, como gostamos de chamá-lo, “marketing”. Simplificando, é a maneira mais eficaz de comercializar uma empresa hoje e no futuro próximo.

Vou reavaliar essa afirmação assim que um desses filmes de fim de dia cada vez mais populares se tornar realidade. Até então, eu estou por trás disso.

Implementar estratégias tradicionais de marketing para sua empresa é como abrir seu antigo rádio FM e esperar que você pegue algumas estações. O marketing digital é transmitir sua música favorita direto para o seu dispositivo móvel. Você segmenta um público específico e mantém leads e compradores ideais 24 horas por dia, 7 dias por semana.

O que é marketing digital?

Desde que o marketing digital assumiu, o que é exatamente? Na tentativa de evitar sobrecarregar, vou manter isso simples.

O marketing digital é a promoção da marca orientada por dados e direcionada por meio da tecnologia.

Embora o termo genérico, “Marketing Digital”, possa incluir aplicativos móveis, podcasts e outras formas de mídia digital, a Internet é o centro de todas as ferramentas e canais à disposição do profissional de marketing digital.

O marketing digital é extremamente organizado, altamente direcionado e oferece resultados mensuráveis ​​em tempo real.

Não há suposições envolvidas. As estratégias são testadas continuamente para ver o que funciona e o que não funciona. Você pode medir resultados e implementar ajustes de estratégia imediatamente.

Esse é o caminho do marketing digital. Deixe-me reformular isso. Esse é o caminho do marketing digital quando você tem uma agência de marketing digital altamente qualificada executando as atividades de marketing para sua marca.

O que é uma agência de marketing digital?

Uma agência de marketing digital é diferente de sua agência de marketing tradicional porque normalmente se concentra no marketing baseado em resultados no mundo digital. O marketing mensurável e o ROI são o nome do jogo.

Uma agência de marketing digital legítima não pratica o marketing “spray and pray”. Já se foram os anúncios de rádio ou TV e anúncios em revistas. Em seu lugar, vem uma equipe de estrategistas, consultores de marketing digital , criativos e desenvolvedores que trabalham juntos desde o início para entregar resultados quantificáveis. Uma agência de marketing digital é um motor de desenvolvimento de marca e geração de leads.

Agência de marketing digital x agência de marketing

As agências de marketing ainda dançam em ambos os lados da linha de marketing, muitas vezes promovendo iniciativas tradicionais ou meramente criativas. As empresas querem um site bonito – mas também precisam de um site que converta os visitantes em resultados focados em resultados, como leads ou compras. Infelizmente, muitas agências de marketing não têm o know-how ou as habilidades internas definidas para fornecer ambos.

O que uma agência de marketing digital deve fazer

Agora que fiz as agências de marketing digital parecerem equipes de super-heróis, você provavelmente está se perguntando o que elas costumam fazer. Vamos revisar as três principais áreas em que as agências digitais se concentram.

Agências de marketing digital melhoram seus negócios

Uma grande agência de marketing digital tem os meios para assumir o controle de seu marketing de cima a baixo. Para começar, sua experiência em negócios permite que avaliem as necessidades de sua marca e desenvolvam uma estratégia poderosa que maximize os lucros.

Eles trabalharão com sua empresa para melhorar a eficiência e a produtividade. Com a ajuda deles, você definirá melhor seus objetivos e estabelecerá metas mensuráveis.

Além disso, o foco nos dados e na segmentação requer uma definição clara de seu comprador-alvo, que normalmente é mais específico do que as empresas têm atualmente. Ao trabalhar com uma agência de marketing digital, você determinará exatamente quem é o seu comprador ideal e analisará sua jornada de compra. Como eu disse, o marketing digital é altamente direcionado.

Quando você conhece bem o seu público-alvo, determina quais devem ser suas mensagens e benefícios para falar diretamente com o comprador ideal. Sua proposta de venda exclusiva, conforme se alinha ao comprador ideal, é o que forma uma conexão com as pessoas que compram de sua empresa. Mais em: https://webtrends.net.br/marketing-digital/

escritório de coworking em ribeirão preto

10 características essenciais de um escritório de coworking de sucesso

O trabalho tradicional mudou consideravelmente na última década, graças às novas tecnologias e à Internet. O coworking Beework, um Coworking em Ribeirão Preto, é um forte exemplo disso, já que os atuais empreendedores agora compartilham seu espaço de escritório e trabalham em conjunto com freelancers, start-ups e funcionários de outras empresas. Neste blog, gostaríamos de dar uma visão geral das 10 características mais importantes que um bom escritório de coworking deve atender para se tornar uma comunidade de sucesso!

1. PREÇO

Muitas empresas precisam de pequenos escritórios que possam crescer junto com seu sucesso. O Coworking oferece a possibilidade de reduzir custos operacionais. Você não está vinculado a contratos de longo prazo e não tem custos adicionais com móveis, internet e cabeamento telefônico, porque seu local de trabalho está imediatamente pronto para uso. Existem benefícios econômicos e práticos associados ao coworking em comparação com o aluguel de escritório tradicional. 

2. LOCALIZAÇÃO

A localização do escritório de coworking é muito importante. Claro que você não quer perder muito tempo se deslocando. Escolha um local que seja relativamente próximo de sua casa em primeiro lugar. Além disso, você pode levar em consideração outras opções, como estacionamento, proximidade com clientes, restaurantes e assim por diante.

3. ATMOSFERA

Todos têm um motivo para optar pelo coworking, mas parece que principalmente a companhia agradável e a troca de conhecimentos, experiências e feedbacks são os fatores decisivos. Escolha um escritório de coworking onde você se sinta em casa e onde possa se cercar de empreendedores com ideias semelhantes.

4. COMUNIDADE

Uma comunidade unida com pessoas que pensam da mesma forma geralmente cria uma ótima atmosfera.

Um local de coworking combina a flexibilidade de um escritório em casa com a atmosfera de uma cafeteria. A singularidade de um escritório de coworking incentiva o trabalho. Sempre há pessoas a quem você pode perguntar algo, trocar ideias com alguém ou simplesmente se juntar a eles para um bate-papo divertido. 

Pode ser interessante: O que é endereço fiscal?

5. INSTALAÇÃO

Como empresário, você deseja que os dados da sua empresa estejam seguros. Portanto, busque um local com alto padrão de segurança, tanto online quanto offline. O local tem um conselheiro de segurança? O local possui câmeras de vigilância? Pergunte qual é o procedimento deles para violações de dados e pergunte se eles têm software anti-hacking.

6. EQUIPAMENTO

Ao trabalhar no local, você também deseja ter acesso ao equipamento de escritório necessário. Isso varia de canetas e grampos a copiadoras suficientes. Claro que uma conexão de internet rápida e estável também é necessária e preste atenção às tecnologias e dispositivos mais recentes, como flipcharts digitais, quadros brancos interativos, videoconferência ou uma impressora de café da moda!

7. SALAS DE REUNIÃO

É muito comum convidar seus convidados para uma sala de reunião em um escritório de coworking. Às vezes, você também precisará de uma sala privada para poder se reunir sem ser incomodado. Portanto, escolha uma sala de coworking com pelo menos duas salas de reuniões separadas que podem ser reservadas com antecedência. 

8. CAFÉ E COZINHA

Além das funções tradicionais de escritório, uma sala de coworking possui uma cozinha funcional ou até mesmo um lounge bar. Além disso, uma deliciosa xícara de café não deve faltar. Desta forma, você pode não só desfrutar do seu coffee break, mas também relaxar em um ambiente agradável!

9. TEAMBUILDINGS E EVENTOS COMUNITÁRIOS

O fato de os outros colegas de trabalho não serem seus colegas diretos não significa que você não tenha uma boa colaboração com eles. Um bom lugar de coworking sabe disso e regularmente organiza eventos comunitários divertidos ou festas após o trabalho para fortalecer os laços entre os colegas de trabalho. Isso pode melhorar o ambiente do escritório e tornar todos mais produtivos a longo prazo!

10. RELAXAMENTO

Depois de todo o trabalho, reuniões e concentração, o relaxamento também deve ter seu lugar dentro do escritório de coworking. Isso geralmente inclui áreas de relaxamento aconchegantes com diferentes áreas de estar, tênis de mesa ou sinuca, dardos, etc. Em dias de sol, é sempre bom se a sala de coworking tiver um agradável terraço ou jardim para realmente aproveitar suas férias.

site da embasa

Como Fazer a Consulta de Serviços no Site da Embasa

Precisa acessar o site da Embasa para fazer consulta de serviços?

Veja nesse artigo como é simples.

Embasa serviço de saneamento básico de água, fundada em 11 de maio de 1971.

Este serviço atente a região da Bahia, Salvador.

Essa empresa é principal servidora em todo estado, atende 386 municípios.

A agência virtual surgiu para melhorar e facilitar o atendimento para os clientes.

Assim sabemos que água tratada é muito importante para sociedade é necessário estar sempre com o pagamento em dia para serviço permanecer ativo.

E no site da Embasa, você consegue realizar diversas consultas, confira:

Plataforma Agência Virtual Embasa

O site da empresa veio para facilitar a vida das pessoas, sem filas, senhas ou ter que aguardar para ser atendido.

Dessa forma a internet nos ajuda a resolver algumas situações do nosso dia – dia.

De acordo com agência virtual, podemos fazer muitas solicitações através do www site da Embasa.

Vejamos alguns itens:

  • Você pode acessar suas matriculas;
  • 2ª via de conta Embasa;
  • Vazamento de água ou esgoto;
  • Falta de água;
  • Denuncia de ligação clandestina;
  • Certidão de débito;
  • Termo anula de quitação de débito;
  • Minhas solicitações;
  • Postos de atendimento;
  • Contatos;
  • Outros serviços;
  • Mais informações.

Contudo dentro de cada um desses itens temos outras solicitações que você pode resolver online. Dessa forma você pode acessar tudo isso até pelo celular.

Dessa forma para solicitar 2 via de conta Embasa serviço é muito fácil o acesso.

Entre no portal online da agencia, aperte o botão segunda via da conta e informe sua matricula e pronto!

Como Criar uma Conta Digital no Site da Embasa

De acordo com site da Embasa é muito fácil realizar um cadastro online. Assim é só preencher alguns dados. 

Assim se algo der errado e perder os dados poderão ser recuperados.

Vamos ver aqui os passos rápidos e fáceis para o cadastro:

  • Você pode adicionar foto ou não;
  • Preencher nome, sobrenome, e-mail, senha;
  • Vão ser pedidos alguns dados pessoais, CPF, data de nascimento e telefones;
  • Endereço;
  • E não se esqueça de aceitar os termos de uso.

Parcelamento de Débitos

Para que haja parcelamento dos débitos a condição clara é que tenha contas em aberto.

Assim o solicitante deve ser o titular ou um procurador autorizado.

É importante a apresentações de alguns documentos como:

  • RG e CPF do titular, pessoa física;
  • Se pessoa jurídica estatuto contrato social ou documento de microempreendedor individual, RG e CPF dos sócios;
  • Titular de condomínio é necessário a apresentação da ata de designação; RG e CPF do responsável;
  • Caso não seja um condomínio devidamente registrado deverá, tem que apresentar autorização de 50% mais 1 dos moradores, junto com a cópia do RG e CPF de todos.

O prazo de execução para o serviço é imediato, em qualquer posto de atendimento isso é resolvido.

Assim o custo é gratuito para solicitação e realização do serviço.

Certidão de Quitação dos Débitos

A certidão é um documento que prova que a dívida não existe mais, que foi feito todo o pagamento. Portanto a pessoa deve receber está do credor.

Dessa forma é só entrar na agencia virtual da Embasa e apertar o botão certidão de débitos. Assim será direcionado se pessoa física ou jurídica.

Como Solicitar Débito Automático

Debito automático é um meio em que se paga as contas, através da conta corrente na data do vencimento solicitado.

Além disso é uma forma que facilita a vida das pessoas e nem precisa entrar em filas de lotéricas.

O serviço é gratuito, as contas são pagas no dia certo não haverá mais atrasos e preocupações.  Assim vamos ver aqui os bancos conveniados:

  • Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, Santander, Itaú, Bancoob e Mercantil.

Veja aqui como realizar a solicitação:

  • É só clicar no link do banco, dentro da agencia on line da embasa serviço;
  • Acesse sua conta na seção pagamento, débito automático e informe a matricula do seu imóvel no campo de matricula;
  • Alguns clientes do Banco do Brasil e da Caixa podem solicitar o cadastramento na agencia do embasa.

No entanto após o cadastro você ainda receberá as contas em sua residência para o acompanhamento da mesma. 

Mas elas estarão sendo quitadas automaticamente, cuidado para não pagar novamente.

Além disso caso houver algum contratempo você poderá realizar o cancelamento do débito, com três dias antes de debitar na conta.

Dessa forma para os clientes do Banco do Brasil, eles deverão autorizar até um dia antes, caso contrário não será debitado. 

Para outras informações entre em contato com central de relacionamento do seu banco.

Outros Serviços no Site da Embasa BA

Além disso existem outras solicitações que podem ser feitas, dentro da agencia virtual no site da Embasa na Bahia.

Da mesma forma esses serviços podem ser resolvidos e atendidos online. Veja quais tipos de atendimento você pode ter via internet:

  • Abastecimento carro – pipa;
  • Verificar o andamento de solicitações;
  • Fazer atualizações cadastrais;
  • Alteração de vencimento;
  • Ampliação de ramal;
  • Comprovações de pagamento;
  • Cadastrar endereços;
  • Ligação de esgoto;
  • Reclamações;
  • Religação de água;
  • Revisão de tarifa;
  • Suspensão de abastecimento de água;
  • Suspensão temporária de débito automático;
  • Transferência de hidrômetro;
  • Transferência de ramal.

Onde Realizar o Pagamento das Contas

Nestes pontos de atendimentos você poderá realizar o pagamento da conta da embasa.  Assim você poderá procurar o mais próximo de sua casa.

  • Bancos do Brasil, Bradesco, Caixa Econômica Federal, Santander, Itaú, Citibank, Bancoob, Mercantil Brasil;
  • Casas lotéricas;
  • Coelba serviços;
  • Correspondentes bancários.

Até o próximo artigo!

7 Motivos para você parar de investir na poupança

A poupança é um dos investimentos mais populares do nosso país. Por esta razão, observamos um grande número de pessoas concentrando suas economias nesta modalidade de “investimento”. Mas será que a poupança realmente é bom instrumento para conservar seu patrimônio e enriquecer?

Parece que não…

A conta poupança, além de não ter rentabilidade, tem suas pequenas taxas, que consomem tudo o que acaba rendendo. Transferência via Ted, extratos e outros serviços podem acabar drenando o pouco rendimento que você vai obter nessa modalidade.

Neste post, você vai conhecer 7 motivos para abandonar de vez a poupança. Além disso, te mostraremos opções de investimentos para substituir a poupança com muito mais eficiência. Continue lendo o post abaixo.

#1. BAIXO RENDIMENTO

Este é o primeiro motivo para você largar a poupança. Os juros são muitos baixos, o que leva a uma rentabilidade insatisfatória. É possível encontrar investimentos conservadores que superam com certa facilidade os rendimentos da caderneta de poupança. Vamos analisar essas opções mais à frente. 

#2. O RISCO NÃO É NULO COMO MUITOS PENSAM

Este é um dos principais motivos que levam as pessoas a optarem pela poupança. Contudo, o que muitos não sabem é que a poupança, como qualquer outro investimento, não é isenta de riscos. Se a instituição escolhida para o investimento tiver problemas financeiros, você vai ter problemas para receber o dinheiro. Por isso, se for para assumir certo risco, que seja com um investimento que traga uma rentabilidade maior.

#3. DIVERSIFICAR É A MELHOR OPÇÃO

Toda pessoa que investe deve ter em mente que a diversificação é uma forma inteligente de ganhar dinheiro. Abaixo, apresentamos algumas modalidades de investimentos que podem ser utilizadas para gerar diversificação.

– LCI (Letras de credito imobiliário):

São títulos emitidos por instituições bancárias com lastro no mercado imobiliário. As LCIs possuem ótima rentabilidade nos dias atuais e proteção do Fundo Garantidor de Credito (até R$250.000,00). É importante destacar que não há incidência de imposto de renda sobre este tipo de investimento.

– CDB (Certificados de depósito bancário):

São títulos emitidos por bancos para captar recursos de investidores. Ao contrário das LCIs, este investimento sofre incidência de Imposto de Renda. Entretanto, mesmo sem a isenção fiscal, é possível encontrar CDBs com ótimas rentabilidades.

– LFT (Letras financeiras de tesouro):

São títulos emitidos pelo governo federal, que podem ser adquiridos pelo programa do Tesouro Direto. Os riscos são bem menores do que os demais investimentos, pois o credor destes papéis é o próprio governo.

#4. REMUNERAÇÃO MENSAL

remuneração da poupança é feita mensalmente, ou seja, a valorização dos juros acontece somente na data que o depósito foi realizado. Por esta razão, se você sacar a quantia antes do “aniversário” da sua aplicação, a remuneração desse período será perdida.

#5. A alta dos juros prejudica a poupança

 No momento atual do país, a poupança não é um bom investimento, mas se a inflação subir mais, pode piorar essa situação. Com o aumento dos valores de serviços e produtos, além da baixa rentabilidade da caderneta, seu dinheiro pode perder o poder de compra em pouco tempo.

#6. INVESTIMENTO RUIM PARA CAPITAL DE GIRO

Como foi dito em outro tópico anterior, a rentabilidade da poupança é concluída nas datas de “aniversário” do investimento. Por isso, prefira CDBs de liquidez diária e também fundos DI, que mesmo com a cobrança do IR e também IOF (no primeiro mês), são opções melhores para resgatar o dinheiro dentro do mês.

#7. LCI E LCA TAMBÉM SÃO ISENTOS DE IR

Para àquelas pessoas que ainda acham que a poupança é boa porque é isenta do Imposto de Renda, é importante saber que as LCIs e LCAs também são. Além disso, oferecem rentabilidade maior com praticamente o mesmo risco da caderneta.

Acreditamos que este post tenha sido útil para te mostrar que a poupança é uma péssima opção para preservar seu patrimônio e gerar valor. Sendo assim, sugerimos que você reveja seus investimentos e procure ajuda especializada para substituir a poupança por aplicações mais rentáveis.

Caso tenha gostado desse artigo, marque um amigo aqui, garanto que essas dicas valiosas serão ótimas para ele também!

Page 1 of 5

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén